quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Não Sei...








Não sei…

Como aconteceu

Como de tanto amor…

O meu coração de imediato se encheu

Não sei…

Como tudo tão rápido aconteceu

Teu olhar… como uma flecha incandescente

Lançada de um purpúreo céu envolvente

Penetrando meu dormente coração

Sem nenhum rasgo de dor

Mas sim… uma tão linda e inolvidável sensação

Que por todo meu corpo se espalhou

Provocando rasas chamas violeta de paixão

Que acabaram com toda a minha solidão

Não sei…

O porquê de tanto assim…te amar

A razão porque eu…teu nome continuo a chamar

O motivo que me faz teus braços procurar

A loucura por entre brasas até ti… eu caminhar

O cego desejo da tua amiga mão jamais querer largar

A insistência de a cada dia… teu coração escutar

Não sei…

Ai! Não sei… quanto tempo eu continuarei assim

Querendo-te inequivocamente dia e noite dentro mim

Sem crer acreditar que jamais entre nós existirá um fim

Sem nunca deixar que o tempo ou alguém te leve de mim

Não sei…

Porque algumas lágrimas na minha face estão agora a correr

Talvez… de felicidade por em ti estar a pensar e a escrever

Talvez… com medo de amanhã eu já não te ter

Talvez… por esta minha fraca e emocionante forma de ser

Talvez… por ser um poeta que os seus sentimentos não sabe conter

Talvez…

Não sei!




“Existem enigmáticas paixões que só a própria paixão, as consegue compreender.”


Imagem by net - Google


A.Soares (apollo-onze)

3 comentários:

Branca disse...

Encontrei seu blog num comentário e resolvi visitar...
Adorei o teu 'sentir'! Parabéns por tamanha sensibilidade.

Bom fds.

REGGINA MOON disse...

Boa Noite!

Adorei o comentário que deixou sobre o Chico Buarque em meu Blog.Obrigada!
Estar aqui é muito bom...Parabéns!

Visite outros Blogs que tenho, será um prazer:

www.versoeprosapoemas.blogspot.com

www.poesianotempo.blogspot.com

Bjs,
Reggina Moon

Glória Müller disse...

Apollo, sei lá como podemos explicar essas paixões... repentinas, explosivas... sei lá! Mas o teu sentir... nooossa... que lindo! Espero que ela possa retribuir todos estes teus maravilhosos sentimentos... afinal, um homem apaixonado e "especial" assim, não é sempre que encontramos!!!
Beijos e te garanto que ela deve estar sentindo o mesmo, pois essa energia não fica estática, ela se propaga... tenho certeza que ela pode te ouvir e te sentir, também. Parabéns pela sua forma tão linda de amar!
sua amiga, Glória

Postar um comentário