quinta-feira, 19 de novembro de 2009

"Poeta do Asfalto"










Cavaleiro solitário, ao volante do camião,


Caminha na estrada, sempre na solidão,


Ele é nobre, poeta, não digo que não,


Mensagens que vêem outras que vão,


Este poeta está sempre em acção,


Pensamentos redigidos em composição,


Ele é chefe de família tem boa disposição,


Quando chega a porto seguro abre seu coração,


Mima a família com sua atenção,


Sabem o poeta é meu irmão,

E dele não abro mão.


Para Apollo 11, que tenhas um dia pleno,

Bom aniversário, beijocas

Texto da autoria de Emília Soares (minha mana).

http://wwwemely.blogspot.com/

::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Bem... Acredita que estou sem palavras, não sei quais as devo escrever para do fundo do meu coração eu, este teu lindo e carinhoso gesto te agradecer. Talvez apenas confessar-te que dos meus olhos uma pequena lágrima de felicidade não consegui de todo conter, resultante de uma enorme emoção por tão lindas e sinceras palavras eu, do teu carinhoso coração hoje receber.
Obrigado mana pelo teu tão maravilhoso presente de aniversário.

A foto essa, eu já não me recordava dela mas que bela surpresa a tua!!!

Mil poéticos e carinhosos beijinhos deste teu irmão que muito te respeita e adora.



7 comentários:

Chica disse...

Então, é teu aniversário???Parabéns daqui também! Que sejas muiiiiiiiiiiito feliz SEMPRE,com tudo de bom! Lindos versos que ganhaste.PARABÉNS!!! abração,chica

emilia soares disse...

Irmão, palavra que parece não ter conotacão nos dias de hoje onde o amor familiar aquiriu outros contornos, no meu caso tardio admito fruto de outras circunstâncias que a vida nos impôs, mas como diz o ditado mais vale tarde do que nunca, sei que te destrataram aqui ultimamente, um energúmeno, que não sabe do que fala atentou contra a tua pessoa, a vida é tão complessa como se pode ser leviano e atacar terceiros de forma velada, acima de tudo fica a perseverância da persistência de continuares pois vejo neste sitio muita amizade e carinho pela tua pessoa, os maiores trofeus da vida estão no amor esse que inflizmente alguns desconhecem esse amor que está escrito na biblia ou seja amor pelo próximo e citando a mesma:" Pai perdoa-lhes que não sabem o que fazem".
Tens o meu apoio incondicional, tua mana.

Ps: no meu blog tem um selo gentilmente oferecido por Lice Soares o qual to ofereço.

Débora Francis disse...

Nossa querido amigo, que linda homenagem! Uma bela poesia...
Parabéns à sua irmã por este ato tão doce.
E meu parabéns a você querido amigo, que todos os seus sonhos e anseios sejam realizados.
Muitas felicidade.

Beijo

Pedaços de Tempo disse...

Parabéns por mais uma bela primavera, e que o "camião da poesia" nunca pare!

Parabéns à tua irmã que, pelos vistos, também tem uma veia poética! Uma família de poetas?

Abraço amigo e bom fim-de-semana,
CR/de

Chá das Cinco disse...

Parabéns meu querido!

Aprendi a gostar de você, tuas palavras são tão sinceras que me atrairam para este blog.

Tem um tempo que entramos no mundo um do outro.O que você me escreveu foi válido, aprendi com os elogios,sabia?
Ser admirada tem uma grande vantagem,montamos o nosso estilo e fortificamos os poemas,obrigada.

Eu estava pensando, a tua vida deve ser emocionante. Eu consigo te ver no futuro,sabia?
Te vejo recordando, contando para os teus sobre a tua vida tão cheia de aventuras.
Agradeça a Deus por esse privilégio.

Gosto dos teus comentários e de você, sempre arrume um tempo para vir até o Chá e me fazer feliz.

Que você tenha muitos e muitos anos de vida com saúde meu amigo.

Gemária Sampaio

Anônimo disse...

Compreendo bem a razão de a tua irmã não querer abrir mão de ti, pois ela mais do que ninguém sabe que tem um irmão com umas raras qualidades enquanto homem. Qualidades essas que, não deixam indiferentes todos aqueles que contigo muito proximamente convivem. Eu, também jamais abrirei mão, da pessoa que tu és, um lindo e sincero amigo, um homem charmoso e autentico romântico daqueles que, muitos corações femininos tantas vezes sonham nem que por breves momentos virem a amar.
Os meus parabéns embora pela segunda vez, mas não resisti em deixar-te aqui um pequeno carinho meu pois tu bem o mereces meu querido amigo A. Soares.
Parabéns à tua tão dedicada e orgulhosa mana pelo sua linda dedicatória a um grandioso Poeta do Asfalto!

Beijocas com muito carinho...

Ana Lisa

Doroni Hilgenberg disse...

Apollo,
estive ausente, viajando...
justamente visitando meus irmãos,
estes seres tão queridos que mesmo distantes permanecem na mente e no coração da gente.
Linda homenagem de sua irmã e de fato, da boleia de um camião também apreciamos as mais lindas paisagens e acalentamos os mais belos sonhos, dai a levar tudo isso para o papel, é um instante mágico.
bjs

Postar um comentário