sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Se eu fosse,,,


Gritos de Esperanza | Musicians Available






Se eu fosse um livre sol…

Eu…esse teu, tão melancólico frio

Que por vezes a tua alma invade

Transformava-o em calor humano

Em longos momentos de meigas carícias

De sons suaves e compassados…

Oriundos das minhas palavras

Que só o teu coração as escutarias

Seria… o teu perfumado lenço azul celeste

Que as tuas invisíveis lágrimas enxugaria

Seria… o incondicional e reconfortante ombro

Onde o cansaço da tua intermitente solidão

Nele… tu por longos momentos o esquecerias

Se eu fosse um livre sol…

As noites para ti seriam sempre alegria

Pois eu… as estrelas do teu límpido e sereno céu

De mil e uma vivas cores a cada segundo pintaria

E a lua…

Eu num radioso e ardente coração a transformaria

Para que ela, a cada tua noite vazia…

A outra fria metade do teu leito preenchesse

Para assim, a tua alma solitária aconchegar

E assim…

Tu em sonhos reais puderes afinal acreditar!

Se eu fosse um livre sol…

Estas palavras jamais seriam escritas

Quiçá e apenas… sentidas e efusivamente vividas

Por alguém…

Que um simples raio de sol bastaria

Para na plena felicidade voltar cegamente a acreditar.

Se eu fosse…



(Dedicado a quem que de olhos fechados consiga ler, compreender e sentir o emotivo "calor" deste texto.)




Music by Alex Ubango in "Gritos de Esperanza"


Photo by net - Google

9 comentários:

Anônimo disse...

Feliz a pessoa a quem este lindo poema é dedicado!

Anônimo disse...

Não és um sol livre? Claro que tu o és "ninguém é de ninguém mesmo quando se ama alguém" já ouviste esta canção com certeza por isso és livre de tal como o sol abraçares beijares todos aqueles que tu amas e admiras ok meu anjinho!
Lindo tocante e muito quente este teu texto parabéns e como tua amiga desde há muito quero dizer-te que o calor que tu produzes no teu coração é algo muito especial e eu sem duvida alguma sinto-me (não me canso de repetir) muito honrada por algumas tu o partilhares comigo.

Beijinhos carinhosos desta tua grande amiga e admiradora.
Ana Liz

Anônimo disse...

Uma correcção: Quis dizer "muito honrada por algumas vezes o partilhares comigo." Escrever á pressa hehehe desculpa tá. bjs
Ana Liz

Anônimo disse...

"Dedicado a quem que de olhos fechados consiga ler, compreender e sentir o emotivo "calor" deste texto"
Por momentos senti-me merecedora desta dedicatória pois depois de ter lido este lindo texto ao som de uma melodia tão romântica, fechei os olhos e consegui ler e sentir o emotivo "calor" de cada uma das palavras que compõem este seu irrepreensível texto. Pena é que afinal ele não o tenha sido escrito para mim pois eu infelizmente não tenho a sorte nem o prazer de o conhecer pessoalmente. Pois você vê-se que é um homem lindo tanto por fora como interiormente os meus parabéns!

Bjs desta sua anónima admiradora. C.L.

Flávio Miguel Mota Pereira disse...

ora então o fabuloso amândio astronauta(apollo11) volta a encantar e a amar.
Estou na página 94 do teu livro e até o dono do triangulo, o café perto do meu colégio já quis dar uma olhada, és bastante inresistivel poéticamente.
Parabéns caro amândio por mostrares ao mundo que all you need is love.

Otelice disse...

Estou prestes a ousar-me mudar o nome deste espaço para SUPERAÇÃO visto que, a cada visita tu me surpreendentes encantadoramente e supera a minha espectativa, nesse mundo imenso de emoção que são os teus versos.Parabéns, querido amigo.
Bjs no teu coração.

Fátima disse...

Passei aqui para jogar confete em vc.
Confetes carnavalescos!
Com carinho
Fátima

Anônimo disse...

Obrigada! por ainda seres o meu sol......Bj Adorei


C.Q

Vanessa disse...

Belíssimas palavras... encantei-me!
É tão raro nos dias de hoje, alguém que ainda é capaz de ouvir seu coração e descrever o que sente.
Visite o meu singelo blog, e se gostar, siga-me!
abraço

Postar um comentário